Ganesha

Ganesha é o Sábio. Ganesha tem na fronte o Vibhuti e um pequeno tridente indicando que é filho de Shiva – o Senhor da disciplina e da aniquilação da ignorância, indica também, que o sábio tem sempre em mente o Ser Supremo.

Ganesha é o Sábio. Ganesha tem na fronte o Vibhuti e um pequeno tridente indicando que é filho de Shiva – o Senhor da disciplina e da aniquilação da ignorância, indica também, que o sábio tem sempre em mente o Ser Supremo.

As enormes orelhas e a cabeça de elefante representam os dois primeiros passos para a auto realização – “Sravanam”, escutar o ensinamento e “Mananam”, refletir sobre ele. A tromba representa “Viveka”, a capacidade de discriminação entre Nitya, o eterno e ilimitado, e Anitya, o não eterno. O intelecto do homem comum está sempre preso entre os pares de opostos (as presas), o Sábio não é mais afetado por esses pares de opostos (frio-calor, prazer-dor, alegria-tristeza, etc.) tendo atingido um estado de equanimidade , representado por uma das presas quebrada. O Sábio nunca esquece sua verdadeira natureza (memória de elefante). A barriga enorme representa sua capacidade de engolir, digerir e assimilar todos os obstáculos, assim como o ensinamento escutado. O ratinho que fica aos seus pés simboliza o Ego e seus desejos com sua voracidade e cobiça, frequentemente roubando mais do que pode comer e guardando mais do que pode lembrar.

O Sábio tem o desejo sob total controlo, por isso o ratinho olha para cima e aguarda sua permissão para comer os objetos dos sentidos. A cabeça de Ganesha simboliza o Atman ou a alma, que é a suprema realidade da existência humana, e seu corpo humano representa Maya, ou a existência terrena dos seres humanos. A cabeça de elefante indica sabedoria e seu tronco representa Om, o símbolo de som da realidade cósmica. Na mão direita superior Ganesha tem um aguilhão, que ajuda a impulsionar a humanidade para a frente no caminho eterno e eliminar os obstáculos do caminho. A corda na mão esquerda de Ganesha é um delicado instrumento para captar todas as dificuldades. A presa quebrada de Ganesha, que tem como uma caneta na mão direita inferior é um símbolo de sacrifício, que partiu para escrever o Mahabharata.

O rosário na mão de outros autores sugere que a busca do conhecimento deve ser contínuo. O lado (doce) que detém no seu tronco indica que é preciso descobrir a doçura do Atman. Seus ouvidos fã-como saber que ele é todo ouvidos para a nossa petição. A serpente que corre em volta de sua cintura representa a energia em todas as formas. A mão inferior esquerda oferece Modaka – Modaka é um doce de leite e arroz tostado que representa a satisfação, a plenitude que se alcança com um caminho de disciplina e auto conhecimento.

Para adorar Ganesha, monte um pequeno altar com um pano vermelho e a sua imagem e faça diariamente os seus mantras ou oração. Como oferendas pode colocar arroz cozido só em água, flores amarelas e vermelhas, queime um incenso de Sândalo, e velas vermelhas e amarelas, um potinho com rebuçados de coco, um pratinho com nove moedas. Um cristal branco também pode ser colocado no seu altar.

Repita nove vezes o mantra OM, e o mantra “Om Gam Ganapataye namaha”.

Os Nomes de Ganesha

Nomes de Ganesha através dos quais ele deve ser lembrado:

1 – Aquele que tem a tromba curva;

2 – Aquele que tem um dente;

3 – Aquele cujo veículo é um rato escuro;

4 – Aquele que tem a face de elefante;

5 – Aquele que tem um grande abdome;

6 – O grande;

7 – O rei dos obstáculos;

8 – Aquele que tem a cor escura;

9 – Aquele que tem a lua na testa;

10 – O removedor dos obstáculos;

11- O Senhor dos ganas, forças de ShivaEle é o ‘Deus da Boa Fortuna” e também o “Destruidor de Obstáculos” de ordem material ou espiritual.

Ganesha é adorado junto de Lakshmi (a deusa da abundância) sobretudo pelos mercadores e pessoas de negócio. 

O ANIVERSÁRIO DE GANHESHA

Ganesha Chaturthi cai no quarto dia da quinzena de lua escura no mês Hindu de Bhadra (setembro), exatamente no dia 11 de setembro. Neste dia, as pessoas por toda parte na Índia celebram o aniversário de Ganesha. Ganesha é um símbolo muito poderoso do Yoga, e uma lembrança de como deveria ser nossa visão para administrar nossas vidas, com objetivo de viver mais harmoniosamente e conscientemente.

Ganesha é considerado o destruidor dos obstáculos ao desenvolvimento espiritual e material, permitindo aos seus devotos alcançar as riquezas e assegurando o êxito em todos os empreendimentos, por isso é a primeira divindade reverenciada em todos os rituais hindus.
Chaturthi quer dizer ‘o quarto’. Aqui especificamente recorre ao quarto estado de ser, super-consciência. Um indivíduo tem que buscar a ajuda de Ganesha se ele desejar chegar a este quarto estado. Por isto que o festival é chamado Ganesha Chaturthi. É uma lembrança que se devem buscar as bênçãos de Ganesha para se ter sucesso no Sadhana Yogui (prática de Yoga).

A palavra Ganesha é composta de duas palavras do sânscrito: Gana (criado ou administrador) e Isha (supremo). Então Ganesha quer dizer literalmente ‘o administrador’ supremo. Ele também é conhecido amplamente como Ganapati, ‘o administrador’ principal. A palavra Gana nesse contexto tem significado especial. A mente cósmica e individual tem aspectos diferentes ou poderes; estes são chamadas Ganas. Ganesha é o chefe ou o que possui maior destes poderes, que controla todos os outros. O poder da inteligência que dirige tudo no cosmo e no homem.

Ganesha simboliza aquela inteligência inexplorada dentro de cada um de nós. O propósito de adorar e evocar Ganesha é provocar a transformação interna, enquanto resultando de uma expressão de pura inteligência, despertado progressiva e gradualmente por Sadhana Yogui, ou seja, práticas de Yoga. Ganesha é o segundo filho de Shiva (que representa a Consciência) e Parvati (que representa a energia dinâmica). O primeiro filho deles se chama Kartikeya ou Subramanyam, cujo filho simboliza aspectos de nosso ser que não participa dos negócios mundanos, e com intensa manifestação das qualidades do pai (Shiva): severidade, separação, conhecimento espiritual e felicidades. Entretanto Parvati queria um filho mais da terra, que fosse seu ajudante, assim criou Ganesha uma perfeita combinação de inteligência e participação ativa no mundo, que simboliza aí os aspectos mais práticos do nosso ser.
Um dia Parvati pediu para Ganesha vigiar sua casa e não permitisse que ninguém entrasse. Nesse momento Shiva chegou, porém Ganesha não permitiu sua entrada na casa. Como Shiva já estava aborrecido enviou todos os seus Ganas (criados) para retirar esse menino da porta da casa, todavia Ganesha venceu todos com sua inteligência e rapidez. Assim sendo Shiva não teve outra alternativa senão cortar sua cabeça. Parvati ao saber do acontecido começou a destruir o mundo e Shiva a pacificou prometendo devolver a vida a Ganesha com a cabeça de outro ser. Ao ver a cabeça de um filhote de elefante, sua cabeça foi cortada e unida ao corpo de Ganesha, voltando assim à vida, com as bênçãos de seus pais e de todos os deuses.

A mensagem do dia de Ganesha Chaturthi é:

Desperte sua inteligência e você ganhará em todas as esferas de sua vida seja físico, mental ou espiritual.

Om Gam Ganapataye Namah

Mantras de Ganesha

Para inspirar virtudes.
mantra: Om Gunapravanasaantushtaaya Namahá.

Auto-respeito e auto-suficiência.
mantra: Om Gunaikabhuvae Namahá.
Tolerância.
mantra: Om Gunapoornaaya Namahá.

Escapar da roda de reencarnação. (Sanssara)
mantra: Om Gunavachhakra Samsaraaya Namahá.

Conquistar o poder pessoal.
mantra: Om Gajjapatayae Namahá.
Compreender a natureza de tudo.
mantra: Om Gajatratrae Namahá.

Destruir ilusões
mantra: Om Gajamaayaaya Namahá.

Meditar na transitoriedade da vida
mantra: Om Gajahaetavae Namahá.

Ser justo.
mantra: Om Gajasaetavae Namahá.

Destruir a ignorância.
mantra: Om Gajadaityaghnae Namahá.

Para a prudência.
mantra: Om Gajapungavaaya Namahá.

Acalma a mente sempre obsessiva.
mantra: Om Garjito Ji Tadaityasavae Namahá.

O efeito desse mantra é colocar sua mente em “obssessões” saudáveis como cuidar do corpo, estudar, ajudar o próximo, amar, etc.

Excelência musical.
mantra: Om Gaanatattvavivaechakaaya Namahá.
Conhecer a filosofia do som.
mantra: Om Gaanashlaghinae Namahá.
Energia física.
mantra: Om Gaanaayattaaya Namahá.

Acalma o coração afetivamente.
mantra: Om Gurubhujaaya Namahá.

Tolerância com o próximo e com você mesmo.
mantra: Om Gurupriyaaya Namahá.

Energia.
mantra: Om Gurushreeaye Namahá

Auto-estima.
mantra: Om Garishthaaya Namahá.
Auto-aceitação.
mantra: Om Gurukantayae Namahá.

Proteger as crianças.
mantra: Om Guruputra Paritratrae Namahá.

Harmonia familiar.
mantra: Om Guruputraarti Shamanaaya Namahá.

Reconhecimento da sua iluminação.
mantra: Om Gauraaya Namahá.

Alegria.
mantra: Om Govardhanaaya Namahá.

Para observar o silêncio que é tua essência.
mantra: Om Goshtaaya Namahá.

Libertar-se da fadiga.
mantra: Om Gatatraasaaya Namahá.

Estimular a saúde.
mantra: Om Gatajvaraaya Namahá.

Propiciar liberdade.
mantra: Om Gataaya Namahá.

Sair das ilusões.
mantra: Om Grahabhartrae Namahá.

Tornar-se amoroso.
mantra: Om Gudaaya Namahá.

Facilita e abençoa as práticas tântricas.
mantra: Om Gudaakesha Sakhaaya Namahá.
Egocentrismo.
mantra: Om Garvanudae Namahá.

Inspiração aos praticantes de yoga.
mantra: Om Gurutantraaya Namahá.

Para saudar Ganesha, o auspicioso.
mantra: Om Gataahitaaya Namahá.
Estes são dois mantras de Ganesha que despertam o poder pessoal do praticante:
– Om Ganapatayê Namah;

-Om Sri Ganeschaya Namah.